Seu cliente precisa de segurança para comprar. Saiba como solucionar os principais problemas do e-commerce.

Compartilhe esse conteúdo:

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
Share on reddit
Share on telegram

O crescimento do comércio eletrônico durante a pandemia foi impulsionado de um jeito jamais visto. Segundo o relatório da Mastercard SpendingPulse, o e-commerce brasileiro cresceu 75% em 2020. Com isso, grandes e pequenos lojistas procuraram investir maiores esforços para o mercado digital.

Essa explosão do varejo online tem atraído cada vez mais empresas de diversos segmentos, buscando adaptarem-se ao mercado competitivo. Ainda segundo o relatório do Mastercard, em 2020 o hábito de comprar online teve um crescimento disparado, o levantamento indica que 86% dos consumidores priorizam compras feitas por e-commerce.

Ou seja, é uma oportunidade para os varejistas aproveitarem e impulsionarem as suas vendas, mas durante este caminho podem existir alguns desafios. É preciso contornar a raiz do problema para assegurar bons resultados para o seu negócio.

Apresentar um e-commerce bem estruturado, com gateways responsivos e seguros, garante um lugar bem posicionado frente à concorrência. Para te ajudar, aqui está uma lista de alguns problemas que precisam atenção em um e-commerce:

  1. Problemas com logística.

Trocas e devoluções acabam gerando problemas em um e-commerce. Mas, se estiver com uma logística bem preparada, essa é uma oportunidade para conquistar o seu consumidor e fidelizá-lo com uma experiência diferente.

Uma boa pedida é estabelecer uma política de trocas no seu site, na intenção de padronizar os processos com o cliente e estabelecer regras na casa. Diante dessa política é possível planejar a operação e custos da logística, e ainda ganha uns pontinhos com o consumidor.

  1. Site devagar e mais lento ainda na versão mobile.

Um site com carregamento devagar acaba frustrando a experiência de compra do seu consumidor, às vezes levando a pessoa desistir ou ir buscar o produto em outro lugar. É recomendável que sua página tenha um tempo de carregamento de 2-3 segundos.

Como detectar?

Para detectar esse problema é bastante simples, é só verificar a velocidade em algum site, como por exemplo o Google PageSpeed Insights. Se o site estiver muito lento, a página oferece recomendações para você solucionar o problema.

  1. Checkout longo e complexo.

A experiência do checkout pode ser decisiva e pegar seu cliente de surpresa. Se sua empresa passou muita credibilidade e tranquilidade durante a jornada de compra, o checkout precisa ser igualmente fácil para finalizar bem e com coerência. Ou seja: nada de check outs longos e complexos.

Como evitar?

Redirecionar o usuário para uma página fora do carrinho ou do próprio e-commerce pode acabar gerando insegurança no consumidor. Por isso, foque em recursos que mantenham o cliente na mesma página, onde poderá finalizar a compra de modo dinâmico e prático!

Alguns problemas exigem mais atenção e análises que outros, mas de fato, todos precisam de soluções. Agora você conhece um pouco mais sobre comércio online e como contornar alguns obstáculos. Mas, se você anda buscando especialistas para ajudar a estruturar o seu e-commerce, entre em contato com a Ilha Tecnologia! A equipe com as soluções certas para o seu negócio.

Gostou desse conteúdo? Clique abaixo e compartilhe com alguém que vai se interessar!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email
Share on reddit

Assine Nossa Newsletter

Fique por dentro dos conteúdos da Ilha